5 de agosto de 2008

Realidade virtual: eleições democráticas angolanas

Numa declaração de risível seriedade, o ditador angolano veio à televisão dizer que as próximas eleições legislativas poderão ser exemplares para o continente africano e para o mundo. Curiosamente, este «comunista» multimilionário não se estava a referir a matérias de perseguição política, como imediatamente somos levados a crer pelo seu longo historial. O exemplo que quer dar ao mundo é um exemplo de democracia. E o homem espera fazê-lo mesmo sem abdicar do poder, responder perante os tribunais e devolver o incontável património roubado ao povo angolano. Isto, sem contar com os milhares de angolanos a quem foi subtraída a vida e a esperança com duas décadas de guerra civil.

Talvez por isso é que as últimas eleições livres disputadas em Angola se realizaram há 16 anos, em 1992. Este longo período denota bem a preocupação dos responsáveis angolanos com a preparação de eleições democráticas e justas. Com tanto tempo de preparação, as eleições não podem dar «galo»… Nem que essas vozes «reaccionárias» e, necessariamente anti-democráticas, tenham que ser caladas. Em nome da democracia…

1 comentário:

enforcadinho disse...

novo blogue de desabafos diários, informação, desporto, cultura e politica

não deixem de passar por esta afamada rua

http://ruadosenforcados.blogspot.com/


obrigadinha